As Muçulmanas Crentes podem usar Kohl fora de Casa?

Todas as mulheres crentes são obrigadas a cobrir a sua beleza e adornos em frente a homens que não são mahram.

Allah diz:

"E diz às crentes que baixem o olhar (não olhando para coisas proibidas) e protejam as suas partes privadas (de actos sexuais ilícitos) e não mostrem os seus ornamentos (corporais e artificiais) – excepto o que deles aparece [rosto e mãos, de acordo com algumas opiniões, e tudo menos uma abertura para os olhos, de acordo com outras opiniões dos sábios] – e que estendam os seus véus sobre os seus pescoços e decotes. E não mostrem os seus ornamentos senão aos seus maridos ou aos seus pais ou aos pais dos seus maridos ou aos seus filhos ou aos filhos dos seus maridos ou aos seus irmãos ou aos filhos dos seus irmãos ou aos filhos das suas irmãs ou às suas mulheres (crentes, parentes ou amigas) ou aos escravos que elas possuem ou aos servos domésticos, dentre os homens idosos privados de desejo, ou às crianças que não prestam atenção, ainda, às partes pudendas das mulheres. E que elas não batam, com os pés no chão, para que se conheça o que escondem de ornamentos. E voltai-vos, todos, arrependidos, para Allah, ó crentes, na esperança de serdes bem-aventurados!" [24:31]

Os adornos incluem o kohl, maquilhagem, jóias, etc.

Em relação às palavras no início do verso - "E diz às crentes que baixem o olhar (não olhando para coisas proibidas) e protejam as suas partes privadas (de actos sexuais ilícitos) e não mostrem os seus ornamentos (corporais e artificiais) – excepto o que deles aparece..." - o significado de "o que deles aparece" são as roupas, abayah (ou outra vestimenta exterior) e véu que cobre a cabeça (ou a cabeça e o rosto), e o que aparece involutariamente (sem querer), por causa do vento, por exemplo.

Ibn Kathir (rahimahullah) disse: "Ou seja, ela não deve mostrar qualquer dos seus adornos a não mahrams, excepto aquilo que não pode ser escondido."

Ibn Mas'ud disse: 'Tal como o rida' (manto) e roupas, i.e., o que as mulheres árabes costumavam usar como miqna' (uma espécie de vestimenta exterior) e o que aparece por baixo da vestimenta. Não há pecado nisso, porque isto é algo que não pode ser escondido. Isso é como o que aparece da vestimenta de uma mulher, e o que não pode ser escondido.'" (Tafsir Ibn Kathir, 3/274)

O Islam fecha as portas que levem aos homens a serem tentados pelas mulheres e vice versa. O Islam ordena a baixar o olhar e proíbe tabarruj (exibição desenfreada de adornos), mistura de multidões contendo ambos os géneros, e que um homem esteja sozinho com mulheres (e que uma mulher esteja sozinha com homens). As mulheres foram avisadas sobre saírem com perfume ou viajarem sem um mahram. Isto reflecte a perfeição do Islam, pois os homens, por natureza, são afectados pelas mulheres, e se isto não é impedido então haverá muita fitnah (tentação e tribulação), e a corrupção será difundida, como vemos em sociedades que foram negligentes quanto à orientação da Shari'ah. 

É dito na fatawa al-Lajnah al-Da'imah (17/128):

Pergunta: Muitas mulheres no Egipto põem kohl nos seus olhos, e se lhes disserem que usá-lo como adorno é haram, elas dizem que é uma sunnah. Isto é verdade?

Resposta: Usar o kohl é prescrito no Islam, mas não é permitido que uma mulher mostre qualquer um dos seus adornos, seja kohl ou qualquer outra coisa, a qualquer outra pessoa que não seja o seu marido ou maharim, porque Allah diz:

"E não mostrem os seus ornamentos senão aos seus maridos ..."

Então não é permitido para a mulher usar kohl em frente a não maharim, porque isto cai sobre o assunto de adornos que ela é obrigada a cobrir. Se ela vai de uma casa para outra, onde nenhum não mahram a verão, então não há nada de errado se ela usar kohl nesse caso.

Fonte: IslamQA

Traduzido e Adaptado por Cláudia Sofia Simões


You have no rights to post comments