Esforço Árduo e Competição por Boas Ações no Ramadan

 

 

Por Shaykh Ibn Baz

 

 

Todos os louvores são para Allah, e que paz e bênçãos estejam sobre Seu Mensageiro Muhammad.

 

É legislado para todos os muçulmanos o esforço árduo nos vários tipos de adoração durante este nobre mês.

 

Eles devem:

  1. Esforçar-se para rezarem as orações voluntárias;
  2. Recitar o Qur’an com reflexão e meditação;
  3. Aumentar a glorificação de Allah [dizendo "SubhanAllaah"], declarando o direito de Allah de ser adorado sozinho [dizendo "La illaaha il Allah"], louvando-O [dizendo "Al-Hamdulillaah"], declarando Sua grandeza [dizendo "Allaahu Akbar"] e buscando o Seu perdão.

Eles também devem:

  1. Dizer súplicas legisladas;
  2. Recomendar o bem e coibir o mal;
  3. Convidar para Allah (fazer dawah);
  4. Ser generosos para com os pobres e necessitados;
  5. Empenharem-se em serem gentis para com os pais;
  6. Manter bons laços familiares;
  7. Honrar os vizinhos (respeitar os seus direitos);
  8. Visitar os doentes;
  9. E outros tipos de boas ações.

Isto, devido à afirmação do Profeta (salallaahu ‘alaihi wa sallam):

“Allah olha para a vossa competição [esforços] por boas ações durante o Ramadan e Ele orgulhosamente [com orgulho de vós] diz aos Seus anjos sobre todos vós. Portanto, mostrem a Allah a vossa benevolência, pois, em verdade, miserável é o ser que é privado da Misericórdia de Allah durante o Ramadan”. - Majma ‘uz-Zawa’id 3:142; Kanzul-‘Ummal, nº 23692.

 

Isso também é devido ao que foi relatado dele (salallaahu ‘alaihi wa sallam), que disse:

"Quem quer que se aproxime de Allah durante ele (citando o mês de Ramadan) com uma única característica  das características da benevolência (voluntária), é como quem realiza um ato obrigatório em outros tempos [fora do mês de Ramadan]. E quem realiza um ato obrigatório durante o Ramadan, é como quem executou setenta atos obrigatórios em outros tempos."- Sahih Ibn Khuzaymah, nº1887.

 

E também pela sua (salallaahu ‘alaihi wa sallam) afirmação num outro hadith autêntico:

“A‘Umrah feita durante o Ramadan é equivalente à realização do Hajj- ou ele disse- ao Hajj feito comigo”. – Al-Bukhari, (nº1863) e Muslim  (nº1256).

 

Os ahadith e narrativas que provam a sanção [aprovação] de competir e ser agressivo [ativo/assertivo]  em realizar os vários atos de benevolência neste nobre mês são inúmeros.[1]

 

Allah é o único a Quem pedimos por ajuda para nós e para todos os muçulmanos, para que façamos o que Lhe apraz e para que aceite nosso jejum e o nosso levantar para as orações noturnas. Pedimos-Lhe que corrija nossas situações e que nos proteja dos desvios das provações e tentações. Igualmente, pedimos-Lhe para que faça os líderes dos muçulmanos justos, e que una suas palavras sobre a verdade. Em verdade, Allah é Guardião disso e Ele é capaz de fazê-lo.

 

Fonte: Fataawa Islamiya, pp. 220-221.

 

Nota da Tradutora:

[1] “Ser agressivo” no texto significa o ato em si de lutar contra qualquer situação que nos impeça de praticarmos os atos requeridos neste nobre mês, por exemplo, a preguiça que nos impede de acordarmos para as orações voluntárias noturnas, e como devemos ser tão diligentes em fazer todo o possível para a realização desse e todos os outros atos que aqui foram explicados pelo nobre shaykh, que Allah tenha misericórdia dele.

 

 

Fonte:Abdurrahman.Org


You have no rights to post comments