Empatia

 

Empatia é uma característica transformativa que aprimora positivamente todas as áreas da sua vida, incluindo seu bem estar pessoal, vida familiar e relações no trabalho. Poucas pessoas conhecem o poder da empatia em melhorar seu bem estar pessoal, bem como a maneira como interagem e sentem a respeito do mundo ao seu redor. Neste artigo discutiremos o que é empatia, como ela é encorajada no Islam e como você pode usá-la para trazer mudança transformativa à sua vida.

O que é empatia?

 

Empatia é a habilidade de reconhecer, entender e compartilhar o sentimento de outras pessoas, como se andássemos com os seus sapatos, ou o famoso “colocar-se no lugar do outro”.

Muitas vezes, sem percebermos, nosso cérebro pode interpretar as emoções ou sentimentos que detectamos nos outros e automaticamente copiá-los. Por exemplo, se você vê ou ouve alguém que machucou o dedo, as áreas do seu cérebro associadas com aquela dor ativam-se, como se você pudesse senti-la.

Os seres humanos estão naturalmente regulados a demostrar empatia; no entanto, ainda podemos tentar, ativamente, aprimorar este traço e usá-lo em nosso cotidiano.

Um exemplo comum de empatia é quando o seu amigo está procurando emprego, mas continuamente o recusam, e você lhe diz: “Você está se sentindo desanimado e desencorajado, não é?” Se você estiver certo, seu amigo se sentirá aliviado por ouvir que outra pessoa entende perfeitamente seus sentimentos. Também é essencial, bem como eficaz, ter empatia pela pessoa antes de oferecer qualquer tipo de conselho.

Empatia no Islam

Será que a empatia é encorajada no Islam? Com certeza! Considere este versículo do Alcorão, sobre nosso amado Profeta Muhammad (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele):

“Com efeito, um Mensageiro vindo de vós chegou-vos; é-lhe penoso o que vos embaraça; é zeloso de guiar-vos, é compassivo e misericordiador para com os crentes.” [Alcorão, Capítulo 9 (At-Tawba), versículo 128]

Nosso Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) diuturnamente sentiria nosso sofrimento e, Allah, subhanahu wa ta'ala, o enaltece por sua natura empática.

Ele próprio (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) nos encorajou a sentir empatia uns pelos outros, como relata-se que disse:

“Os crentes, em sua bondade, compaixão e solidariedade mútuas, são como um único corpo. Quando um dos membros sofre, o corpo inteiro responde a isso, com insônia e febre”[Bukhari]

O seguinte versículo do Alcorão descreve os crentes como aqueles que praticam compaixão (ou sensibilidade), que é uma forma de empatia que impulsiona o indivíduo a ajudar outros.

“E o que te faz inteirar-te do que é o obstáculo? É libertar um escravo, ou alimentar, em dia de penúria, Um órfão aparentado, ou um necessitado empoeirado pela miséria. Em seguida, é ser dos que creem e se recomendam, mutuamente, a paciência, e se recomendam, mutuamente, a misericórdia.” [Alcorão, Capítulo 90 (Al-Balad), versículos 12-17]

Um relato da empatia do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) em ação é, quando em uma manhã, estando sentado com seus companheiros, e os membros de uma tribo paupérrima aproximava-se deles. Aquelas pessoas estavam descalças e, por causa da fome, estavam pele e osso. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) ficou instantaneamente comovido ao ver sua condição e a cor de seu rosto mudou. Ele fez Bilal (que Allah, subhanahu wa ta'ala, esteja satisfeito com ele) dar o chamado para a oração e reuniu seus companheiros. Depois de orar, eles fizeram uma coleta para a tribo, generosamente ajudando-os. [Muslim]

O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) teve cuidado e empatia até pelos animais.

Uma vez, ao entrar em um jardim, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) viu um camelo que era apenas pele e ossos. Ao vê-lo, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) começou a chorar, depois colocou a mão sobre a cabeça do animal consolando-o. Ele disse ao dono daquele camelo: “Acaso não temeis Allah sobre este animal que Deu em sua posse? Ele (o camelo) queixou-se a mim, que o mantendes faminto e o carregais demasiadamente, o que o exaure. ”[Abu Dawud]

Também existe um hadith famoso sobre a empatia do Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) pelas mães na mesquita, que foi narrado por Anas bin Malik:

“O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: ‘Comecei a rezar e quis prolonga-la, mas então, ouvi uma criança chorando, daí encurtei minha oração, porque eu sei o sofrimento que causa à mãe o choro do seu filho.’”
Como Demonstrar Empatia pode Transformar a Sua Vida
Socialmente:

Mostrar empatia aumentará seus relacionamentos e desenvolverá seu caráter como muçulmano, porque você se tornará uma pessoa mais solidária e útil. Quando você mostra a alguém que a entende, seja ao refletir sobre seus sentimentos ou resumindo o que eles te disseram, você, instantaneamente, traz alívio reconfortante e paz àquela pessoa.

Neste campo de aconselhamento, mostrar entendimento empático é, geralmente, mas útil para uma pessoa em dificuldade do que aconselhá-la. Dr. Carl Rogers, fundador do Person-Centered Counseling Theory, fez uma pesquisa profunda sobre usar a empatia no aconselhamento. Sua pesquisa mostrou que, a empatia é a habilidade mais poderosa de um conselheiro para gerar crescimento nos clientes, e a falta dela na verdade faz com que eles piorem! Portanto, é muito conveniente mostrar empatia antes de pensar em oferecer conselhos.

Sugestão de ação: Da próxima vez que as pessoas de quem você gosta se sentirem incomodadas com uma situação, em vez de dar conselhos, simplesmente ouça e tente refletir os sentimentos delas de volta a elas para mostrar que você as compreende com precisão. Então observe como respondem.

A empatia transforma seus relacionamentos sociais, pois proporciona uma compreensão mais precisa e profunda de problemas e conflitos. Ela é um traço fundamental para se tornar melhor cônjuge, pai, professor e amigo.
Mostrar empatia no trabalho aumenta suas relações profissionais porque você começará a lidar com seus colegas de trabalho e clientes, tentando primeiro entender o que eles querem, pensam e sentem.

Pessoalmente

Muitas vezes achamos que nos entendemos bem o suficiente, mas, quando paramos um tempo para nomear esses sentimentos e realmente esclarecermos como nos sentimos, podemos nos surpreender com o alívio e a paz interior dentro de nós!
Sugestão de ação: Da próxima vez que você estiver sentindo uma emoção negativa de algum tipo, tente ser compreensivo consigo mesmo. Nomeie os sentimentos que você está sentindo. Observe como apenas esclarecer seus pensamentos e sentimentos internos te ajuda a se sentir melhor! Da mesma forma, o diário é um ótimo hábito de se fazer regularmente, bem como uma forma de autorreflexão e bem-estar emocional a longo prazo.

Como Desenvolver Sua Empatia

A empatia é um traço que melhora com o tempo, e quanto mais você desenvolver esse traço, mais ele beneficiará sua vida. Basicamente, quando você intenciona ser empático com outras pessoas, sua prática irá, por sua vez, melhorar suas habilidades empáticas. O Dr. Carl Rogers descreve ser empático como uma experiência quase "mística", porque é como se você quase se tornasse a outra pessoa.

O primeiro passo é fazer a intenção de tentar “se colocar no lugar” dos outros.

O próximo passo é entender melhor a si mesmo e seus próprios sentimentos. Quanto melhor você entender o seu mundo interior, melhor você entenderá o mundo interior dos outros. Perceba que suas experiências de vida o ajudam a desenvolver sua empatia, por isso, faça questão de usar suas experiências de vida para melhorar esse traço.
Sugestão de Ação: Da próxima vez que você tiver uma experiência que desperte emoções fortes de algum tipo, diga a si mesmo para usa-la para se tornar mais empático. Por exemplo, da próxima vez que você estiver muito doente, observe seus sentimentos de desesperança ou negatividade, talvez (ou qualquer outro sentimento). Faça uma anotação mental desta experiência e use-a para sentir empatia por outras pessoas doentes no futuro!

O objetivo de mostrar empatia é melhorar sua vida junto com a vida dos outros, espalhando compaixão, cuidado e conforto. Ser empático não significa que colocamos as necessidades dos outros acima de nossas próprias necessidades. A empatia é uma ferramenta que usamos para tomar decisões mais eficazes e para mostrar que nos importamos.

Em artigos futuros, discutirei como a empatia pode ser usada para melhorar situações e relacionamentos específicos, como casamento, paternidade e trabalho. Espero que vocês escolham hoje tornar este traço dourado uma parte de vocês para se tornarem muçulmanos mais compassivos e produtivos, assim como nosso amado Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) in sha Allah!

Tradução e Livre adaptação: Islane Castelo
Em cooperação voluntária com o original de Sheima Salam Sumer


You have no rights to post comments